Modelo de sistema de saúde em uma cidade inteligente de apoio.

MODELO DE MEDIÇÃO DE GRAU DE TRABALHO DE UM SISTEMA DE SAÚDE EM UM SUPORTE DE CIDADE INTELIGENTE

Em 27 de julho de 2020, a aluna Andrea Ceballos Zuluaga do mestrado em gestão da informação da “Escuela Colombiana de Ingeniería Julio Garavito” e integrante do projeto CAP4CITY, apresentou seu projeto de graduação denominado “Mãe de medição para sistemas de saúde em cidades inteligentes”. Com a direção de Victoria Eugenia Ospina Becerra e Luis Daniel Benavides, professores da universidade e membros do projeto CAP4CITY.

Este projeto nasceu no contexto das cidades inteligentes e do projeto internacional CAP4CITY, co-financiado pela união europeia, onde quatro universidades da Europa e oito universidades da América Latina trabalham juntas para desenvolver cursos que possibilitem o aprimoramento das capacidades na gestão do latim Cidades inteligentes americanas.

No projeto, uma proposta para medir a inteligência de um sistema de saúde foi estabelecida e validada com o estudo de caso de Bogotá. A proposta incluiu uma nova concepção de sistema e cidade inteligente, um modelo de saúde para cidades inteligentes, um modelo de medição para sistemas de saúde em cidades inteligentes e o modelo de maturidade relacionado. O projeto foi reconhecido pela qualidade e pertinência.

O júri do projeto foi Elsa Estevez, Professora Adjunta da National University of the South, e Aurora Sánchez, Professora Associada da Universidad Católica del Norte. Ambos são membros do Projeto CAP4CITY e renomados pesquisadores internacionais na área de cidades inteligentes. A sua participação como júri é um exemplo da colaboração que o projeto CAP4CITY possibilitou entre as universidades participantes.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *